Pular para o conteúdo principal
loading...

Chá de Erva Cidreira

Ingredientes:
Uma colher de sobremesa de folhas e ramos de erva cidreira picados;
Uma xícara de chá de água.

Modo de Fazer:
Primeiro lave bem as folhas de erva cidreira. Observe se não há presença de insetos, pois esses bichinhos adoram ficar nas folhas de plantas medicinais. Depois ferva a água, desligue o fogo e coloque as folhas e ramos de erva cidreira. Tampe e deixe abafado por 10 minutos.

O chá de erva cidreira também é um bom analgésico e a sua ingestão pode auxiliar a curar dores de cabeça e também as dores causadas pelo reumatismo. O tratamento pode ser feito tomando o chá ou colocando uma compressa feita com um pano embebido no chá no local dolorido.
Problemas digestivos também podem ser tratados com o chá de erva cidreira, que tem propriedades antiespasmódicas. Além disso, alguns problemas estomacais podem ser causados nervosismo e estresse. O chá calmante ajuda a aliviar a tensão do dia-a-dia, evitando esses problemas no estômago, como azia, queimação e má digestão.
Se você sofre também com o excesso de gases no intestino, pode recorrer às propriedades dessa erva. Devido o relaxamento dos tecidos, a formação de gases diminui com a ingestão do chá. Esse relaxamento dos tecidos ajuda a aliviar também o desconforto causado por cólicas menstruais.
E além de todos esses benefícios para a saúde, a erva cidreira também é capaz de prevenir o câncer, por conter muitos antioxidantes, que combatem os radicais livres, causadores de tumores que geram o câncer. Esses radicais livres são os causadores do envelhecimento celular e de doenças cerebrais degenerativas. Por isso, a ingestão diária do chá calmante ainda evita o envelhecimento precoce e protege cérebro e coração.
A erva cidreira também reforça o sistema imunológico, deixando o organismo mais forte e evitando muitas doenças. Automaticamente, quando se aumenta as defesas do corpo, melhoram também a digestão, respiração, excreção e do sistema nervoso. Isso ajuda a melhorar a absorção de nutrientes e reforça o mecanismo de defesa imune do corpo.

Postagens mais visitadas deste blog

Carqueja (Baccharis Trimera)

A carqueja é usada para ajudar a combater problemas do fígado e vesícula biliar como cálculos (pedras), para problemas digestivos, úlcera, gastrite e má-digestão. Acredita-se que carqueja ajude a purificar e desintoxicar o sangue e o fígado. Com efeito diurético, é conhecida por auxiliar no emagrecimento e no controle da diabetes.Também conhecida como cacaia-amarga ou tiririca-de-balaio, é uma planta medicinal amplamente utilizada no Brasil, que exerce ação benéfica sobre o fígado, estômago e intestinos. A planta é considerada hepatoprotetora, ou seja, protege o fígado contra a ação nociva de bebidas, medicamentos ou alimentos em excesso. Além disso, a carqueja é famosa por exercer ação diurética, purificando e eliminando toxinas, sendo muito utilizada em distúrbios dos rins e bexiga e no combate à gota e ao reumatismo.

Capim Cidrão (Cymbopogon Citratus)

Planta sedativa, analgésica e antitérmica, promove uma diminuição da atividade motora e aumenta o tempo de sono. O chá ajuda a controlar as desordens nervosas. O uso é comprovado nas dispepsias, flatulências e cólicas.

Chá de Hortelã

Ingredientes: 1,5 gr (três colheres de café) das folhas de hortelã 150 mL (uma xícara de chá) de água
Modo de Fazer: Prepare uma infusão com o hortelã. Primeiramente ferva a água desligando o fogo. Logo em seguida, acrescente as folhas e tampe o recipiente, deixando abafado por alguns minutos.
Melhorar a digestão e diminuir enjoos são alguns dos benefícios do chá de hortelã, que pode ser preparado usando duas espécies diferentes de hortelã, uma conhecida como hortelã comum ou Menta spicata e outra conhecida como hortelã-pimenta ou Menta piperita.

Cardamomo (Elettaria Subulatu)

Esta planta tem efeito digestivo, anti-séptico, diurético, laxante e expectorante. Usada popularmente para eliminar a H. pylori, a bactéria associada a úlceras. No Oriente, ganhou a fama de ser afrodisíaco. A semente dessa planta da família do gengibre, de folhas grandes e flores brancas, era mascada pelos egípcios para refrescar o hálito e limpar os dentes. Especiaria aromática de sabor adocicado, refrescante e picante, o cardamomo vem de uma planta de 1,50 metro de altura originária de Malabar, no sudoeste da Índia. Ele chegou à Europa por meio das rotas de exploração do Oriente e era cultivado nos mosteiros durante a Idade Média. Suas sementes eram usadas na fabricação de uma massa doce que os monges mascavam como chiclete. Os frutos do cardamomo contêm cápsulas alongadas ou redondas que protegem cerca de 20 sementes. É uma das especiarias mais caras, depois do açafrão e da baunilha, e amplamente utilizada nas cozinhas indiana, árabe e chinesa. Os melhores frutos são os proveniente…

Cavalinha (Equisetum Arvensis)

Possui propriedades antiinflamatórias, adstringentes e revitalizantes. Indicada como auxiliar no tratamento de problemas do aparelho genital-urinário, e também na menstruação excessiva. É benéfica para os brônquios, limpando secreções dos pulmões e do sangue. Ajuda a repôr o silício perdido nas dietas de emagrecimento.
loading...