Pular para o conteúdo principal
loading...

Primula (Oenothera Biennis)

O segredo do óleo da prímula está nos ácidos graxos polinsaturados, presentes na sua composição, que não são produzidos naturalmente pelo organismo e precisam ser obtidos na dieta. Deles o mais importante é o chamado ácido gamalinolênico (GLA). Além de fazer parte da estrutura das membranas celulares, o GLA origina a prostaglandina E1, uma substância que ajuda a equilibrar os hormônios femininos, diminuindo os impactos da TPM, afirmam os pesquisadores.

Postagens mais visitadas deste blog

Carapiá (Dorstenia Arifolia)

Depurativo, estimulante digestivo e age contra anemia. A raiz desta planta é usada como cataplasma para apressar a cicatrização de ossos fraturados.

Zedoária (Curcuma Zedoaria)

A infusão é usada como estimulante, contra gases, mau hálito, gastrite, estomatites, úlceras, hepatite, colesterol, insônia, pulmão, dermatose, tônico. Considerada expetorante, diurética, calmante, colagoga e depurativa do sangue. Usada também para limpar as vias respiratórias e em casos de inflamações da garganta.

Cavalinha (Equisetum Arvensis)

Possui propriedades antiinflamatórias, adstringentes e revitalizantes. Indicada como auxiliar no tratamento de problemas do aparelho genital-urinário, e também na menstruação excessiva. É benéfica para os brônquios, limpando secreções dos pulmões e do sangue. Ajuda a repôr o silício perdido nas dietas de emagrecimento.

Catuaba (Erytroxylon Catuaba)

Afrodisíaco e tonificante, contém um alcalóide semelhante a atropina, que opera lentamente, dando energia ao organismo. Indicado em casos de fadiga ou impotência sexual.

Alfafa (Medicago Sativa)

Planta usada como suplemento alimentar, rica em vitaminas (especialmente a vitamina K), minerais, contém potássio, magnésio, fósforo e cálcio. Age nas anemias e hemorragias. Revigorante nos casos de fadiga e alimentação insuficiente. O rico valor nutricional da alfafa torna-a um alimento valioso.
loading...